Go to Top
Posts Recentes
glicopan pet id
cama-baú-id
Pill Food - id
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
zasłonka_szafa_garderoba_kokopelia_-32

A saga do cabelo platinado – parte 4 (descolorante por cima da tinta)

 Oi gente! Resolvi fazer este post porque algumas leitoras do blog me perguntaram sobre a minha cor atual de cabelo, que está assim:

Eu fiz alguns posts sobre a minha tentativa de ficar loira platinada usando tinta. Se você ainda não leu, aqui estão os links:

A saga do cabelo platinado – parte 1 (tinta alfaparf 11.21)

 A saga do cabelo platinado – parte 2 (tirando o amarelo do cabelo loiro)

 A saga do cabelo platinado – parte 3 (tirando o chumbado do cabelo)

Após todo esse processo, eu achei que ainda não estava loiro do jeito que eu queria, então passei descolorante no cabelo todo (por cima do cabelo já tingido anteriormente). Usei descolorante e água oxigenada volume 40 da Yamá (na proporção: duas quantidades de água oxigenada para uma quantidade de pó descolorante). Deixei agir no cabelo por 40 minutos, sempre olhando como estava ficando e dando umas puxadinha para ver se arrebentava.

Fiz antes um teste de mecha e meu cabelo aceitou bem, por isso apliquei nele todo. Não aplique o descolorante no cabelo antes de fazer um teste de mecha, ele é muito importante,  é um tempinho que perde mas pode salvar seu cabelo de um corte químico. Se o seu cabelo tiver luzes faça o teste pegando uma mecha que tenha o seu cabelo natural e também as luzes, pode ser que o seu cabelo aguente a descoloração apenas onde não tem as luzes.

Após descolorir o cabelo, tentei fazer pelo menos o retoque de raiz com tinta (usei a Lóreal Imédia Excellence Louro Muito Muito Claro Acinzentado Nº 03), mas não ficou igual, então apliquei descolorante de novo (apenas na raiz), por 40 minutos. E assim eu consegui igualar ele todo.

Após todas essas tentativas cheguei a conclusão que para ficar bem loiro, como eu gosto, só com o descolorante mesmo. Nem precisava ter passado por todas aquelas tentativas com a tinta.

Faço o retoque de raiz 1 vez por mês, quando vai chegando o dia do retoque fica com aquela raiz mais escura, mas loira platinada é isso mesmo, impossível não ter uma raiz mais escura de vez em quando.

Eu mantenho a cor com um shampoo violeta. Quando vejo que está um pouco amarelo eu uso o shampoo e volta a ficar claro.

Algumas dicas pessoais: não deixe para descolorir o cabelo (ou retocar a raiz) no dia em que você quer estar linda, o couro da cabeça fica muito branco, pois o descolorante clareia a pele também, chama muita atenção, eu costumo descolorir na segunda quando quero a raiz perfeita para o final de semana.

Outra dica que eu dou é: não penteie o seu cabelo molhado, estranho né, mas eu percebi que o cabelo úmido arrebenta muito quando penteado, eu deixo secando naturalmente, se não tenho que sair, ou seco totalmente no secador, quando não tenho tempo. Se o seu cabelo precisa ser penteado logo após o banho use um creme para pentear, ajuda bastante.

Não preciso nem falar da importância de hidratar os cabelos né. Eu não gosto muito de hidratar, mas quando vejo a diferença que faz, com certeza vale aqueles minutinhos de cuidado.

Dá trabalho, mas estou gostando tanto do meu cabelo assim que eu acho que vale a pena. 

Beijos e até nosso próximo post!

1 Comentário, deixe o seu!

A saga do cabelo platinado – parte 3 (tirando o chumbado do cabelo)

Hoje vou ensinar como tirar o chumbado do cabelo.

Para quem não viu os outros posts sobre meu cabelo platinado é só clicar:

A saga do cabelo platinado – parte 1 (tinta Alfaparf 11.21)

A saga do cabelo platinado – parte 2 (tirando o amarelo do cabelo loiro)

Como eu já havia explicado, ao tentar tirar a cor amarela do cabelo as minhas luzes chumbaram, ficaram com uma cor grisalha. Algumas pessoas gostam desse efeito e fazem até de propósito, mas não é o meu caso.

Então vou ensinar duas receitinhas que salvaram o meu dia.

Primeira:

Utilizar partes iguais de shampoo e cewin, para quem não conhece é essa vitamina C da foto:

Dê preferência para shampoo antirresíduo, depois anticaspa e se não tiver nenhum desses usa o normal mesmo, funcionou comigo.

É só pegar essa misturinha e esfregar no cabelo. Deixe ela agindo por 5 minutos. A parte que não estava chumbada não voltou a ficar amarela e o chumbado sumiu. 🙂

Mas se essa etapa não deu resultado no seu cabelo, teve um dia que no meu também não.

Passei um creme matizador e fiquei com o cabelo completamente roxo. O Cewin ajudou, mas não foi suficiente para tirar todo o chumbado. E foi quando eu descobri a próxima receitinha.

Segunda:

Misture 3 colheres de sopa de shampoo (dando preferência para aqueles já citados) com 1 colher de sopa de pó descolorante. Eu usei esse aqui:

Com os cabelos úmidos passe a mistura e deixe agir, dessa vez fiquei um pouco mais do que 5 minutos, fui olhando até ficar satisfeita com o resultado.

E saiu todinho o chumbado.

Claro que essa receita estraga um pouco os cabelos, por isso teste a outra antes, muitas vezes ela será suficiente.

Espero ter ajudado. Beijos!

7 Comentários, deixe o seu!

A saga do cabelo platinado – parte 2 (tirando o amarelo do cabelo loiro)

E a saga continua, quem não leu a primeira parte clica aqui, quem quer apenas saber como tirar o amarelo do cabelo este post vai ajudar bastante.

Por que quando descolorimos o cabelo no salão ele fica branquinho e quando fazemos em casa ele fica amarelado? O segredo está no lavatório, quando o cabeleireiro está lavando o seu cabelo (após a tintura) ele passa um tonalizante. O mais usado é o tonalizante 9.01 da Richesse (Mikshake gelo) + Emulsão reveladora 9 volumes.

Essa quantidade é suficiente para duas aplicações, os seja, você usa metade de cada produto para uma aplicação.

O ideal é quando for lavar a tintura que está no cabelo, depois de tirar bem com o shampoo, passe o tonalizante. Agora que vem o problema, tem que tomar bastante cuidado com o tempo do produto no cabelo, fique de olho no espelho.

O tempo depende de quanto o cabelo está amarelo, mas é uma média de 5 minutos.

Essa etapa do processo foi complicada para mim, pois eu tinha duas cores no cabelo, uma descolorida das luzes e uma pintada com a tinta 11.21 da Alfaparf, então o resultado do tonalizante não foi o mesmo para o cabelo inteiro. Pois ele reagiu mais rapidamente nas luzes enquanto o restante do cabelo ainda estava amarelo.

Qual foi a minha escolha na hora: deixei chumbar as luzes para clarear a parte amarela da tintura. (Chumbar é quando o loiro fica grisalho).

O resultado foi esse aqui:

Tirei a foto meio de lado para vocês verem as luzes chumbadas. Se eu não tivesse as luzes no cabelo ele acabaria por aqui. Mas não podia ser fácil né.

Então, no próximo post vou ensinar como tirar o chumbado do cabelo. Beijos!

Continua…

Deixe seu comentário!

A saga do cabelo platinado – parte 1 (tinta Alfaparf 11.21)

Hoje vou começar a contar para vocês como deixei o meu cabelo platinado. Como a história é longa dividi em alguns posts, e também para facilitar quem quiser saber só sobre algum dos passos.

Primeiro, é uma saga mesmo viu gente, quando você acha que acabou ainda tem mais etapas, e quando fica perfeito a raiz cresce hahaha e lá vou eu mexer de novo. Não quero desanimar ninguém, mas saibam que não é fácil ficar platinada, muito menos manter a cor. Mas mesmo sabendo de tudo isso eu quis pintar o meu cabelo e não me arrependi até agora.

Sempre me perguntam: por que você pintou? e não sei dar uma resposta muito boa para essa pergunta… simplesmente enjoei da minha cara… quem nunca? Quis radicalizar. Passei por um momento de transição na minha vida e me senti mais segura para mudar o visual. Nunca fui muito apegada ao meu cabelo, gosto dele, mas nunca tive medo de mudar, pintar, cortar…mesmo quando estragamos não é o fim do mundo…a gente chora e depois arruma (do jeito que dá).

Não vou ficar fazendo suspense não. Já vou mostrar o meu antes e depois e só então vou contar o que eu fiz. Mas lembrem que esse foi só o primeiro passo. Não estou assim tá hahaha.

O meu cabelo estava com uns quatro dedos da cor natural e o restante tinha luzes, aliás foram essas luzes que atrapalharam o processo todo.

A iluminação ficou um pouco diferente nas duas fotos, mas deu para ver que o cabelo ficou cor gema de ovo hahaha.

Agora vou contar essa primeira etapa. Todo o processo foi feito em casa mesmo, com a ajuda da minha irmã. Eu li na internet que para ficar bem loira tinha que pintar o cabelo com a tinta 11.21 da Alfaparf (Louro platino irisé cinza) + OSP da Alfaparf (Super reforçador de aclaração) e água oxigenada volume 40. E foi exatamente isso que usei.

Eu fiz assim: como a minha raiz estava mais escura, passei somente na raiz e deixei 40 min, depois apliquei no restante e deixei mais 40 minutos.

Gente, o quanto ardeu o meu couro cabeludo não tenho nem como falar hahaha, agora eu dou risada mas na hora foi triste viu. A tinta fez até umas feridinhas, mas em poucos dias já sumiram. Não estragou nada o meu cabelo. Ele já não estava aquela maravilha, por causa da luzes, mas não piorou.

E o resultado foi aquele, uma cabelo amarelo com um pouco de luzes mais claras (que já estavam no cabelo).

No próximo post venho contar como tirei o amarelo do cabelo. Beijos!

Continua…

Deixe seu comentário!