Go to Top
Posts Recentes
glicopan pet id
cama-baú-id
Pill Food - id
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
zasłonka_szafa_garderoba_kokopelia_-32

Resenha: Bio Oil

Você já ouviu falar do Bio Oil? Eu conheci esse produto por meio de comentários na internet, na maioria das vezes falando dos benefícios dele na gravidez.

Mas não é só para a gravidez que a gente pode usar o Bio Oil. Ele é indicado para peles muito secas, já que atua como um hidratante poderoso.

Além disso, o produto promete ser eficaz para a diminuição de estrias e de cicatrizes.

O produto é esse aqui:

Resenha Bio Oil

Para quem está pensando se vale a pena ou não comprar o produto, vou fazer uma relação com os pontos positivos e negativos do Bio Oil.

PONTOS POSITIVOS

Ele tem um cheiro agradável (um pouco forte, não é bom para quem não gosta de produtos perfumados).

Hidrata super bem, mantendo a pele macia por muito tempo. E também rende bastante.

Senti que ele ajuda demais a pele quando ela está muito ressecada. Joelhos, cotovelos e outras partes bem secas da pele ficam imediatamente diferentes depois do uso do Bio Oil. Às vezes, uso no corpo todo, e adoro o resultado, melhor do que um hidratante normal. Não testei o uso em estrias ou cicatrizes, mas pesquisei bastante na internet e não encontrei resultados fenomenais. O bom mesmo é usá-lo preventivamente, antes da estria já ter se instalado.

PONTOS NEGATIVOS

Gente, ele é um óleo mesmo, então tem algumas desvantagens típicas de produtos assim.

Por exemplo, ele é meio difícil de espalhar, tem que ficar esfregando bastante. Não é bom passar perto do cabelo, pois os fios acabam encostando no produto e ficando oleosos. Também gruda um pouco na roupa.

COMO ENCONTRAR

Antigamente, era muito difícil encontrá-lo no Brasil. Tanto que eu comprei o meu nos EUA.

Mas hoje ele é facilmente encontrado nas Lojas Renner, por R$ 29,90 (se vocês souberem de outros lugares que vendem o Bio Oil, comentem com a gente).

BIO OIL X ÓLEO DE ROSA MOSQUETA

Eu já falei sobre o óleo de rosa mosqueta aqui no blog (para ver o post, clique aqui).

Como são dois produtos bem parecidos, com propostas semelhantes, resolvi fazer uma comparação entre eles.

Primeiro, preciso dizer que gosto dos dois produtos. Ambos são de boa qualidade e hidratam muito bem.

Mas o óleo de rosa mosqueta é o meu preferido. Primeiro, por causa do cheiro. Segundo, ele espalha melhor. E, finalmente, não fica tão grudento como o Bio Oil.

É claro que o Bio Oil ganha no preço, já que é bem mais barato.

Em resumo, o Bio Oil foi super aprovado, vai com certeza me acompanhar por muito tempo.

Beijos!

Deixe seu comentário!

Top 5: as cinco melhores bases para rosto já testadas no blog

Eu já falei sobre várias bases para o rosto aqui no blog. Hoje vou fazer uma lista com aquelas que considero as melhores, para quem está na dúvida a respeito de qual comprar.

Se você quiser ler a resenha completa de cada base, basta clicar no link, que está no título do produto. Então vamos, começar:

5º lugar: Base Dream Matte Mousse Maybelline

Dream Matte Mousse Maybelline

Quando eu comprei essa base, gostei muito dela. Controla a oleosidade, espalha bem e  tem uma ótima cobertura. No entanto, com o passar do tempo, alguns aspectos fizeram com que eu começasse a achar que ela não era tão boa assim.

A textura em mousse é boa para espalhar, mas, quando o produto está acabando, começa a ficar meio difícil de pegar. Ela vai ficando seca, e começa a esfarelar. Com o tempo, já não espalha tão bem. Esse é o motivo pelo qual ela ficou apenas com o quinto lugar.

4º lugar: Base Dream Liquid Mousse Maybelline

BASE DREAM LIQUID MOUSSEEssa é uma base com ótima cobertura e que rende bastante. Mas, a textura oleosa não é o ideal para peles mistas (como a minha). Por causa disso, não consigo usá-la por várias horas.

Ela tem qualidade, mas, por deixar a pele brilhante demais, ficou no quarto lugar dessa lista.

 3º lugar: Base Clinique Superbalanced Makeup

Clinique Superbalanced Makeup

A Clinique Superbalanced Makeup é uma base ótima. Uma textura incrível, fluidez e equilíbrio de oleosidade.

Só não ficou numa colocação melhor porque a embalagem dificulta a saída da base, já que não tem aplicador e o frasco é de vidro. É preciso virar o produto no dedo, e o produto acaba demorando para sair e, quando sai, sai demais. Além disso, a cobertura podia ser um pouco mais forte.

2º lugar: Base Base Diorskin Forever

Base Base Diorskin Forever

A base Diorskin Forever tem uma qualidade impressionante. Controla a oleosidade da pele, fácil de espalhar e com uma cobertura poderosa. A embalagem é incrível.

O único motivo pelo qual não coloquei essa base em primeiro lugar foi por causa da cor. Apesar de eu ter comprado a cor mais clara, está mais para um bege médio, e fica escura para mim. Não existe, portanto, uma tonalidade apropriada para peles bem claras.

1º lugar: Base Clinique Perfectly Real Makeup

Clinique Perfectly Real Makeup

E a grande vencedora é a Base Clinique Perfectly Real Makeup. Dá para ver que eu adoro os produtos da Clinique, não é? Mas não é para menos: essa é uma das poucas marcas que tem cores bem claras, que não ficam escuras demais para a minha pele.

Vários são os motivos que me fazem gostar tanto dessa base. Primeiro, a cor: ela é claríssima, mas sem deixar um aspecto pálido. A textura, a durabilidade, enfim, tudo me agrada nela. Ela também ilumina suavemente a pele, e possui uma embalagem leve e prática.

Por tudo isso, a Clinique Perfectly Real Makeup é a minha base preferida.

E você, qual a base que mais gosta? Conte para nós!

1 Comentário, deixe o seu!

Resenha: Base Clinique Superbalanced Makeup

Hoje vou falar para vocês sobre a Base Clinique Superbalanced Makeup. Vejam uma foto do produto:

A Base Clinique Superbalanced Makeup vem numa caixinha bem bonitinha, e a embalagem é de vidro e muito resistente. Abaixo, uma foto maior, para vocês poderem ver com detalhes a embalagem:

base-clinique-superbalanced1

Cor e cobertura

É uma base muito, mas muito clarinha mesmo. Só que não é branca, por isso não deixa o rosto pálido. Pelo contrário, fica um aspecto bem natural.

O maior problema dela é ter uma cobertura muito fraca. Penso que esse seja um problema da cor que eu comprei (27 – Alabaster). Ela é quase transparente, e eu prefiro uma cobertura um pouco mais forte para uma base.

Textura

A textura é ótima, espalha muito fácil. Também não deixa a pele oleosa, embora não seja uma base tão sequinha.

Durabilidade

Eu gostei da durabilidade dessa base. Embora não fique perfeita o dia todo, a pele fica em ótimo estado por muitas horas.

Preço

Ela custa pouco mais de R$ 100,00, numa embalagem de 30ml.

Leia também: Top 5: as cinco melhores bases para rosto já testadas no blog.

Enfim, é uma ótima base, com muito mais aspectos positivos do que negativos. Foi testada e aprovada!

Deixe seu comentário!

Resenha: Bepantol Creme para o rosto e lábios: Baby e Derma

Você já ouviu falar de passar Bepantol creme no rosto? Depois de meses de uso do Bepantol creme, hoje vou fazer uma resenha sobre ele aqui. Confira tudo sobre esse produto!

Nós já falamos sobre o Bepantol Líquido aqui. Bem, o Bepantol creme possui princípios ativos semelhantes, o que muda é a apresentação, em creme e não líquida.

Como tem muitos detalhes para falar sobre ele, vou fazer uma listinha e falar de cada um separadamente.

  • Hidratação

O Bepantol creme hidrata muito, muito mesmo. Para vocês terem uma ideia, teve uma época que eu estava com a pele do rosto descascada por causa do frio, e dois dias depois de usar Bepantol creme todas as noites ela já estava boa de novo.

  • Espinhas

Um probleminha: para quem tem a pele oleosa, o uso constante dele dá umas espinhas sim. É o meu caso, já que minha pele é mista.

  • Aplicação

Ele tem uma textura grossa demais, o que faz com que seja meio difícil de espalhar.

Para facilitar a aplicação e não deixar o rosto tão “gosmento”, o que eu faço é misturar, na palma da mão, um centímetro de Bepantol creme com um pouquinho de qualquer outro creme, que não seja tão espesso. Essa mistura aplico no pescoço, mãos e rosto. Fica bem mais fácil de espalhar.

Outra coisa é que se passar Bepantol creme no rosto, o cabelo ao redor acaba grudando, o que deixa o cabelo oleoso também. Por isso misturar com outro creme é o ideal (mas isso não impede o cabelo de grudar e ficar meio oleoso, o que é um problema!).

  • Cheiro

Quem leu nossa resenha do Hipoglós, deve lembrar do grande problema que comentamos: o cheiro horroroso de peixe morto.

Felizmente, o Bepantol creme não tem esse cheiro horrível. É um cheiro forte, mas tranquilo de acostumar.

  • Bepantol Baby X Bepantol Derma

Vocês repararam que só tirei foto do Bepantol Baby? Não é que nunca tenha comprado o Derma, já comprei sim. E ele já acabou. Acontece que decidi que não vou mais comprar o Derma, e vou explicar o motivo para vocês.

Os dois são praticamente iguais. Textura, hidratação, cor, não muda nada. A única diferença é o cheiro: o Bepantol Derma possui um cheiro um pouco mais fraco. Assim, para quem é muito sensível a cheiros, recomendo o Bepantol Derma. Caso contrário, o Baby é melhor, pois é bem mais barato.

Como eu não me incomodei com o cheiro, resolvi que não vou pagar mais caro por um produto que é quase a mesma coisa.

  • Hidratante Labial

O Bepantol é muito conhecido como hidratante labial, e foi para isso que o comprei inicialmente.

Eu não gostei muito do Bepantol creme para isso não. Ele até hidrata bem, mas tem um gosto meio ruim. Ele é meio gorduroso demais para passar na boca, a sensação não é nada agradável. Sinceramente, acho muito melhor o Batom Nivea Med Protection ou o Nivea Essential Care para a hidratação dos lábios.

Atualizando: para resolver os problemas quanto ao cheiro e textura do Bepantol, em se tratando de hidratação labial, eu decidi fazer um lip balm de Bepantol. Realmente, ficou muito melhor de passar o Bepantol nos lábios, e o efeito hidratante permaneceu. Se você quiser ver a receita e o passo a passo do lip balm de Bepantol, clique aqui.

  • Para hidratar cutículas

Esse item não existia no post originalmente, e foi uma dica da leitora Mariane. Testei por algum tempo o Bepantol creme nas cutículas, e pude conferir que é ótimo para isso. Para quem tem cutículas ressecadas e que descascam facilmente, o Bepantol creme melhora bastante.

  • Conclusão

O Bepantol creme é um produto que compensa pelo custo-benefício. Ele é um bom hidratante facial e corporal. Para facilitar o uso, recomendo misturar com outro creme, senão a textura tão grossa faz com que demore uma eternidade para espalhar.

Já estou no terceiro tubo de creme, então é algo que recomento e aprovo!

By Silvia

16 Comentários, deixe o seu!

Resenha: Base Clinique Perfectly Real Makeup

No post de hoje, vou falar tudo a respeito de uma base que eu adoro: a Clinique Perfectly Real Makeup.

Antes de mais nada, vamos ao produto:

Para que vocês possam conhecer melhor a Base Clinique Perfectly Real Makeup, vou falar de cada uma das características do produto em separado. Vamos lá?

Textura

A base possui uma ótima textura. Cremosa, sem ser oleosa.

No entanto, ela não fica muito bem se usada sozinha, sem pó. A pele fica brilhante demais.

Cobertura

Não é uma cobertura tão grossa, de modo que não cobre todas as imperfeições da pele. Na minha opinião, isso que garante a esta base da Clinique um resultado mais natural.

Mas, como é uma cobertura parcialmente transparente, para quem tem manchas escuras ou outros problemas que quer esconder, essa base não é ideal.

Durabilidade

Ela dura super bem, praticamente o dia todo.

Tecnologia de micro-espelhos

A marca afirma que a base possui “tecnologia de micro-espelhos”. Na prática, ela possui uns “brilhinhos”, como um glitter, mas muito discreto. Dá uma luminosidade no rosto.

Um ponto negativo do produto é a falta de fator de proteção solar.

A Base Clinique Perfectly Real Makeup custa em média R$ 120,00.

Leia também: Top 5: as cinco melhores bases para rosto já testadas no blog.

Eu gosto muito dessa base, principalmente por causa da textura, durabilidade e acabamento natural. Na minha opinião é um ótimo produto, totalmente aprovado.

Deixe seu comentário!

Página 2 de 3123