Go to Top
Posts Recentes
glicopan pet id
cama-baú-id
Pill Food - id
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
zasłonka_szafa_garderoba_kokopelia_-32

Como cuidar dos cabelos elásticos

Os cabelos elásticos são um drama pelo qual muita gente já passou (inclusive eu). Resolvi fazer esse post para dar o máximo de informação para quem está sofrendo com esse problema. Quanto mais a gente entende sobre o cabelo elástico, mais pode fazer para melhorá-lo.

O que é cabelo elástico?

O fio de cabelo elástico é aquele que estica muito mais do que um fio de cabelo normal.

Embora se chame “cabelo elástico”, o cabelo com esse problema não parece nada com o elástico de roupas que conhecemos. Isso porque o elástico estica e encolhe, vai e volta, e o cabelo elástico não consegue voltar: ele quebra.

O que aconteceu?

A primeira coisa que a gente pensa quando vai pentear o cabelo e percebe que está esticando demais é: o que deu errado?

Quem está com o cabelo elástico fez alguma química que se mostrou incompatível com o cabelo.

A química nem precisa ter sido tão forte. Pode ter sido uma química mais fraca, mas que seus fios não aguentaram.

É por isso que o ideal é sempre fazer um teste de mecha antes (deixar o produto em uma mecha e só passar no cabelo todo 48 horas depois). Mas, sabemos que é raro as mulheres fazerem isso. O dano, então, pode acontecer.

Para entender melhor, veja a estrutura do fio de cabelo:

estrutura do fio22Quando o cabelo sofre um processo de química, essa cutícula fica danificada (vista num microscópio, lembra uma escama de peixe).

Mas quando o cabelo está elástico, significa que o dano ultrapassou a cutícula e foi para o interior do fio. Além disso, a situação da cutícula é muito grave, pois ela está muito aberta. É por isso que é bem mais difícil curar um cabelo elástico.

E agora, o que fazer?

Se você está com os cabelos elásticos, o importante é: como resolver esse problema? É isso que eu quero mostrar agora.

Use shampoo e condicionador específico

Esse não é o momento de economizar: procure uma loja de cosméticos, preferencialmente de uso profissional, e compre um ótimo conjunto de shampoo e condicionador para cabelos quimicamente tratados.

Não penteie molhado

O fio de cabelo elástico fica molinho, e, quando penteado molhado, arrebenta. Tente não usar secador (ou só frio) e espere secar totalmente para pentear, se for possível.

Use um creme hidratante sem enxágue

Os cremes hidratantes sem enxágue são como um leave-in, mas um pouco mais potentes. Passe nos cabelos úmidos, sem encostar na raiz, e deixe o cabelo secar naturalmente.

Hidrate semanalmente

É bom fazer hidratações poderosas, com produtos de ótima qualidade, ao menos uma vez por semana.

No entanto, o excesso de hidratação não vai resolver, podendo deixar o cabelo grudento. Por isso uma vez por semana é a quantidade ideal e adequada.

Não se desespere

Sei que essa dica parece meio sem sentido, mas, se você está com o cabelo elástico, sabe que a gente fica desesperada para achar uma solução.

Nessa hora, o melhor é ter calma, esperar um pouco e não correr para cortar o cabelo.

É difícil ficar com o cabelo tão danificado, pois a gente não tem vontade de sair de casa. Mas precisamos estudar, trabalhar etc.

Uma ideia é prender o cabelo em um coque e tentar fazer suas atividades normalmente. Enquanto isso, você vai tratando o cabelo, até que ele melhore.

Cauterização

Esse é um bom momento para fazer uma cauterização capilar em um salão de beleza. A cauterização sela um pouco as cutículas do fio, diminuindo a elasticidade.

Cortar ou não cortar?

Como falei no item acima, não acho que ninguém deve radicalizar e cortar o cabelo curto, só porque ficou com ele elástico.

Mas, esse é o momento para cortar um ou dois centímetros das pontas. Se seu cabelo está elástico, é provável que as pontas estejam tão danificadas que jamais vão se recuperar.

Corte as pontas e espere um mês. Vá tratando os cabelos enquanto isso, hidratando e cauterizando. Depois desse tempo, você verá que o cabelo se recuperou bastante e, se for preciso cortar, não será tanto quanto você imaginava anteriormente.

Evite ao máximo uma nova química

Essa dica deveria ser: nunca coloque química em cabelo elástico, mas há casos em que é necessário. Talvez o cabelo esteja com uma cor tão horrível (justamente por causa da química anterior) que será preciso corrigir. Nessa hora, todo cuidado é pouco: um corte químico pode acabar com seu cabelo. Usar um shampoo colorante, sem amônia, pode ser a melhor opção.

Tenha paciência – o problema tem solução

Essa é a dica mais importante. Espere, vá com calma. O dano está feito, mas tem solução. Cuide, invista em bons produtos, use o cabelo preso por um tempo. Dois ou três meses é o tempo para o cabelo estar com uma qualidade bem melhor. Pode ter certeza: seu cabelo vai melhorar.

Deixe seu comentário!

Bepantol solução para os cabelos

Veja, nesse post, como o Bepantol Solução pode ser usado para você ter cabelos mais bonitos.

bepantol-solucao-derma-moda-democratica

Nós já falamos do uso geral do Bepantol Solução aqui. No entanto, existem formas mais específicas de usar o Bepantol líquido nos cabelos. Para falar mais sobre isso, resolvi fazer um post dedicado ao uso do Bepantol nos cabelos.

1) NO SHAMPOO

Muita gente diz que colocar uma tampa de Bepantol líquido no shampoo diminui a queda dos cabelos. Resolvi fazer o teste.

Eu coloquei uma tampa de Bepantol no meu Shampoo Johnson’s Baby e usei até o fim. Não sei se precisava ter mais tempo para perceber os resultados, mas não vi uma diferença na queda.

Acho que o cabelo ficou mais hidratado, mas acho que acabou deixando o cabelo mais oleoso. Por isso, usei só um frasco de shampoo com Bepantol e parei.

2) NA RAIZ DOS CABELOS

Também é possível passar Bepantol na raiz dos cabelos para hidratar as raízes. O Bepantol é bom principalmente para pessoas com descamação, ressecamento ou coceira no couro cabeludo.

Eu fiz isso com um algodão , e não foi tão fácil hidratar todas as raízes, principalmente aquelas que ficam na parte de trás da cabeça.

Eu passei com os cabelos úmidos, o Bepantol secou e ficou ótimo. Mas fiz poucas vezes, e percebi o couro cabeludo mais hidratado.

3) BORRIFANDO PELOS CABELOS

Essa eu inventei (aposto que já tem gente que falou disso na internet, mas, como eu não vi, considero que inventei :)).

Coloquei um pouquinho de Bepantol num borrifador e, quando os cabelos estavam com uma aparência meio ressecada, eu borrifava o Bepantol do meio para as pontas.

Eu adorei o resultado! O cabelo ficava com um brilho bem legal, e menos pesado do que se eu usasse um óleo para pontas. Essa é a maneira de usar Bepantol nos cabelos que mais me agradou.

4) PARA BANHO DE BRILHO NOS CABELOS

Se você quer aumentar os efeitos do seu creme para hidratação, então pode colocar uma tampa (ou menos) de Bepantol líquido, misturar bem e aplicar nos cabelos.

Você pode também colocar duas colheres de sopa de açúcar na sua mistura de Bepantol e creme, para melhores resultados.

O açúcar, além de funcionar como esfoliante, tem efeito cicatrizante. Assim ele é indicado para melhorar a saúde do couro cabeludo.

Mas, nas vezes que fiz banho de brilho com tinta, percebi que colocar Bepantol na mistura faz com que a tinta fixe menos. Nesse caso, melhor não usar.

Quem já testou outro uso para o Bepantol Solução, conte para nós o resultado! Beijos!

Deixe seu comentário!

Dicas para quem tem alopécia areata

Esse post eu resolvi fazer por causa de muitos emails que tenho recebido, de pessoas que têm alopécia areata, pedindo ajuda com esse problema.

dicas-alopecia-areata-moda-democratica

No post que fiz do Pantogar, comentei que já tive alopécia areata, mas que não tenho queda acentuada há muito tempo. Então, as pessoa começaram a me perguntar: como sua queda parou???

Gente, vou ser bem franca com vocês: não sei dizer exatamente o que fez com que a queda decorrente da alopécia acabasse.

Mas, por causa da alopécia, eu li muitos livros de autoajuda, além de livros religiosos, e acho que tudo acabou ajudando um pouco.

Por isso, considero a melhor dica de todas: regule o nível do seu stress, da sua ansiedade, encontre um caminho espiritual e um sentido para sua vida, e a alopécia provavelmente irá melhorar.

O difícil da alopécia é que, se a gente já estava estressada antes, a queda de cabelo é um fator que estressa ainda mais. Então o melhor é procurar ajuda para controlar o lado emocional.

ajuda na internet

Também acho muito importante compartilhar o problema, conhecer pessoas que passam pelas mesmas dificuldades em virtude da doença.

Hoje em dia podemos fazer isso por meio da Internet. Por isso, selecionei dois sites que achei bem legais sobre o assunto, e que podem servir de apoio no tratamento. Se você conhece outros, compartilhe com a gente.

O fórum abaixo é muito interessante, em português, e lá você vai encontrar o depoimento de muita gente com alopécia:

http://www.alert-online.com/br/forum/topics/alopecia-areata

Já o site abaixo é em inglês. É um site que vale muito a pena, tem muita informação de qualidade, novidades sobre tratamentos e histórias de pessoas que passaram (ou ainda passam) pelo problema:

http://www.naaf.org

Eu posso dizer a vocês que não me sinto totalmente curada. A alopécia não tem cura, e, quando eu fico muito estressada, sinto que meu cabelo começa a cair mais em uma região.

Acho que eu aprendi a controlar o stress, e agora faço tudo que posso para não entrar num nível alto de ansiedade, pois sei que, se isso acontecer, a queda pode voltar.

Mas, é muito importante dizer que não é só o stress que causa a alopécia. Alergia, seja a alimentos ou medicamentos, podem estar agravando a queda.

monitore seu dia

Quem tem alopécia precisa prestar atenção no que come, no que fez no dia, pois, assim, pode monitorar a queda. Por exemplo, num dia em que a queda foi acentuada, você fez algo de diferente?

Acima de tudo, é preciso pedir ajuda. Grupos de apoio, psicólogos, amigos, religiosos; enfim, procure uma pessoa em que você possa confiar e compartilhe seu problema.

Espero sinceramente que essas informações possam ajudar, ao menos um pouco, a todos aqueles que hoje sofrem na luta contra a alopécia areata.

23 Comentários, deixe o seu!

Cabelos vermelhos: solução para raiz mais clara

Oi pessoal! Estou mais uma vez por aqui dando dicas para aquelas que gostam de cabelos vermelhos.

Quem já pintou o cabelo de vermelho sabe que existe um probleminha bem comum, que faz com que muitas mulheres desistam de pintar os cabelos de ruivo: o efeito raiz mais clara.

Veja como o cabelo da Paloma Bernardi está mais escuro na raiz. O ideal é que os cabelos vermelhos fiquem sempre assim, mas esse não é um resultado tão simples de conseguir.

POR QUE AS RAÍZES FICAM MAIS CLARAS?

Isso acontece não apenas com a tinta vermelha, mas com praticamente toda tintura para cabelos: a gente passa a mesma tinta no couro cabeludo e no resto do cabelo e, quando lava, a raiz está bem mais clara. Isso acontece por dois motivos principais:

1) o couro cabeludo esquenta a tinta. Quanto a tinta é aquecida, ela funciona de forma mais rápida e mais intensa. O calor potencializa a tintura.

2) o cabelo da raiz é virgem. Um cabelo que nunca foi tingido absorve a tinta de maneira bem mais fácil do que aquele que possui um monte de camadas de tinta.

Essa combinação de proximidade do couro cabeludo com cabelo virgem faz com que a tinta fique mais clara, causando o efeito que nós queremos evitar.

A SOLUÇÃO PARA AS RAÍZES FICAREM MAIS ESCURAS

Depois de muitos anos de tentativa e erro descobri uma solução simples para acabar com esse problema: colocar uns dois ou três centímetros (não mais do que isso!) de tinta preta na mistura que vai para a raiz do cabelo. Só isso!

Se você entende um pouco mais de tintura, pode misturar, para passar nas raízes:

1) a tinta que você passa nas pontas

2) alguns centímetros de tinta preta

3) um pouquinho de outra tinta vermelha mais escura do que a das pontas

Misture bem essas três cores de tinta, junto com uma água oxigenada de boa qualidade (volume 30 é a melhor para cabelos vermelhos).

Eu sei que parece meio confuso, mas com um pouco de paciência o resultado fica bem legal. Se quiser saber de numeração de tintas, pode conferir esse post, no qual eu falo sobre as cores que uso para meu cabelo.

Vá testando, variando os tons de vermelho (sempre lembrando da tinta preta). Afinal, pintar o cabelo é diversão também, não é mesmo?

Mas, cuidado: não faça isso se você pinta os cabelos de ruivo bem clarinho. Jamais coloque tinta preta se seu cabelo estiver com uma tonalidade parecida com o da Hayley Williams, cantora do Paramore:

cabelos vermelhos-raiz mais clara

Essa dica só é adequada para aquelas com cabelos mais escuros, como esse vermelho maravilhoso da Dulce María:

cabelos vermelhos-raiz mais clara2

Essa é uma maneira fácil e bem profissional de acabar com o efeito raiz mais clara.

Só não exagere no preto, senão a raiz pode ficar escura demais! E não use preto na mistura que você vai aplicar nas pontas, pois, nesse caso, a tinta preta vai dominar e o efeito não vai ser vermelho, e sim preto.

Outra coisa: não se preocupe com o crescimento dos cabelos. Eles não vão ficar escuros demais com o passar do tempo.

Essa dica é para cabelos vermelhos, não foi testada em outros tons, então, por precaução, cuidado para não misturar tinta preta em cores incompatíveis, ok?

Para terminar, lembro que é sempre bom usar produtos de qualidade, para não estragarmos nossos lindos cabelinhos! Beijos!

14 Comentários, deixe o seu!

Cinco dicas para usar Bepantol Solução

Neste artigo vamos mostrar 5 dicas testadas e aprovadas para você ficar mais bonita usando Bepantol Líquido. Confira!

Mas antes, uma foto do produto:

Agora sim, vamos às dicas:

1) ANTES DA MAQUIAGEM

O Bepantol solução, apesar de ser líquido, é um ótimo hidratante.

Os maquiadores dizem que, antes da base, é bom tonificar e hidratar a pele. No entanto, a pele pode ficar muito oleosa se a gente usar tônico+hidratante+base.

Nesse caso, a gente descobriu que o Bepantol pode ser utilizado no lugar do hidratante. Ele deixa a pele hidratada e pronta para a base, sem oleosidade. Para passar, é só usar um algodão. Bem fácil.

2) COMO HIDRATANTE FACIAL

Para quem precisa de um hidratante facial, mas tem a pele oleosa, o Bepantol creme pode acentuar a oleosidade. Uma opção, nesse caso, é usar o Bepantol líquido.

Se usado sozinho na pele, sem nada por cima, ele pode ser insuficiente para hidratar a pele. O ideal é usá-lo por baixo de um hidratante, pois o Bepantol irá potencializar a hidratação.

3) COMO PRIMER PARA CÍLIOS

Passar o Bepantol solução nos cílios faz com que eles fiquem mais macios e, assim, fixem melhor o rímel.

Eu passo o Bepantol com um algodão mesmo, só nas pontas dos cílios, e o resultado é bem interessante. Os cílios ficam mais soltos e o rímel deslisa melhor.

4) PARA DESCAMAÇÕES NOS PÉS, JOELHOS E COTOVELOS

Sabe aquele efeito áspero tão comum da pele nessas regiões? Aplicar todas as noites um algodão com Bepantol solução nas áreas afetadas melhora bastante o aspecto dessas áreas.

5) NO SHAMPOO

Muitos blogs falam de colocar duas tampas de Bepantol no shampoo para a queda de cabelos. Bem, fizemos isso. Não notamos a imediata redução da queda, mas ele proporciona bastante brilho no cabelo.

Vamos usar por mais alguns meses e ver se a queda diminui. Então, postaremos uma atualização para vocês.

Essas são dicas que testamos e aprovamos em relação ao Bepantol solução.

Esperamos que tenham gostado!

Leia também:

 

54 Comentários, deixe o seu!