Go to Top
Posts Recentes
glicopan pet id
cama-baú-id
Pill Food - id
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
zasłonka_szafa_garderoba_kokopelia_-32

Convivendo com o melasma (Melasma: causas e soluções)

Oi pessoal! No post de hoje, gostaria de falar sobre dicas para conviver com o melasma.

Esse post é dedicado a todas que procuram ajuda para melhorar as manchas na pele. Então, vou falar primeiro o que causa o melasma, pois isso vai permitir a você prevenir o problema. Em seguida, falo sobre os produtos e tratamentos que uso e que surtiram efeito na luta contra esse problema. Afinal, manchinhas no rosto só ficam bem nos dálmatas, não é mesmo?

dalmata-marrom-620x465

Agora, falando sério, coloquei “conviver” no início do post e não “resolver”, pois ainda não há solução total para o melasma. Como a maioria das mulheres, também tenho melasma, e desde que as primeiras manchinhas surgiram já fui a muitas dermatologistas diferentes na intenção de resolver de vez o problema, mas elas sempre dizem a mesma coisa: melasma não tem cura, mas tem tratamento. Então, já é um primeiro passo saber que as manchas podem sumir (hoje estou praticamente sem manchas), mas qualquer coisa faz com que voltem.

o que é?

Bom, se você chegou até aqui, tenho certeza de que já tem ideia do que é melasma. Só para resumir, melasmas são manchas na pele, principalmente do rosto. Não causam maiores consequências na saúde: seu principal dano é estético.

Causas

É muito importante conhecer as causas, pois prevenir é o melhor tratamento em relação ao melasma. Estão relacionados os seguintes fatores na produção das manchas:

  • Hormonal

O hormônio feminino tende a desencadear as manchas, por isso mulheres grávidas e as que fazem uso prolongado de anticoncepcional têm mais chances de ter o melasma. Mas ele também aparece em mulheres que nunca tiveram filhos nem tomaram pílula.

  • Exposição ao sol
  • Calor

Acredita-se que entrar em um local muito quente, como um carro fechado no sol, também leve ao aparecimento das manchas. Mudanças bruscas de temperatura, fazer muita sauna, coisa assim podem piorar as manchas.

  • Abrasão

Agredir a pele piora: por isso todo tipo de peeling mais forte ou laser não é indicado no tratamento, já que pode até fazer a mancha sumir num primeiro momento, mas depois ela volta mais forte.

  • Luz

Todo tipo de exposição prolongada à luz piora o melasma. Pode ser a luz do teto, ou mesmo a luz do celular, tablet ou computador.

Minha rotina de tratamento

Procuro usar sempre filtro solar, (aplico de manhã e reaplico na hora do almoço) de fator de proteção bem alto. Uso todos os dias, mesmo quando não tem sol.

Para proteger da luz, é bom usar alguma maquiagem com cor (pó ou base). A simples cor já protege a pele, pelo menos um pouco, dos efeitos da luz. Por isso, uso sempre um pó facial sobre o filtro diariamente e, nos lugares onde quero proteger mais, aplico corretivo.

Não uso cremes, pois sou alérgica a hidroquinona, como comentei no post Melasma (manchas na pele): teste com Demelan e Triderm. A hidroquinona pode ser um clareador eficaz, embora tenha muita controvérsia sobre o assunto, já que tem gente que diz que hidroquinona faz mal.

O mais importante no tratamento ao melasma é prevenir. As manchas podem melhorar, mas é muito fácil voltarem. Filtro solar e maquiagem, então, são ótimos aliados!

Beijos!

Artigos relacionados

, , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Resolva *